Caso dos "emails do SLB" e a suspeita de um "esquema" de condicionamento sobre os árbitros: cronologia e compilação (actual. 26 Junho 2017)

Caso dos "emails do SLB" pior do que o caso "apito dourado"?

O caso dos "emails do SLB" surgiu após a divulgação num canal televisivo do FCP de conteúdos de informação electrónica trocados entre elementos do SLB e outros elementos ligados ao futebol nacional. O caso vai ganhando cada vez mais interesse com o surgimento de novos emails e mais notícias nos jornais. E novos dados estão ainda para surgir. Ou seja informação vai sendo divulgada às pinguinhas para ser bem "digerida" e não cair no esquecimento. E este caso parece ser ainda mais grave do que o caso "apito dourado".

A fazer fé nos conteúdos e notícias divulgadas o que parece estar aqui em causa é o condicionamento da classificação de notas e nomeações de árbitros. Ora alguém teria acesso às classificações dos árbitros antes de serem divulgadas? O director de comunicação fala em, citando: "esquema de corrupção (na arbitragem) para beneficiar o Benfica". Pode-se falar em tráfico de inluência, coação, condicionamento ou pressão sobre árbitros e promiscuidades comprometedoras? Veremos.

As figuras visadas nos emails



Cronologia de notícias

















Alguns artigos e notícias que retratam bem o caso dos "emails do SLB"




Link 1; Link 2





Link 3; Link 4





Se os emails não são negados pelo SLB então demonstra que existem

Num primeiro instante o SLB negou veemente os emails mas depois deixaram de o fazer, talvez pelo facto de terem conhecimento que os mesmo já estariam na posse das autoridades. Só falta comprovar a veracidade do conteúdo. Tal como no "caso vouchers SLB", primeiro negaram a sua existência e depois o facto foi tornado público com os árbitros a confirmarem que os receberam.

SLB prefere responder ao assunto sem falar nele

Numa primeira reacção o SLB negou "veemente" os emails. Mas numa 2ª reacção, já oficial através da BTV mediante um director de comunicação, não são negados os emails. Quem esperava explicações do clube sobre a veracidade dos referidos emails ficou na mesma.

O SLB procurou responder sem falar no tema nem esclarecer dúvidas, desviando o assunto com outras situações que nada têm a ver com este caso. Respostas sem nexo de quem sente que está metido numa "alhada".

SLB dispara para todos os lados indo buscar assuntos sem nexo para explicar o tema

Em vez de procurar esclarecer o assunto para quem tinha dúvidas, o departamento do SLB preferiu dar tiros para todos os lados na esperança de acertar em algo ou alguém. Vendo que não se pode agarrar a nada neste o SLB vai buscar coisas do passado para tentar incriminar FCP ou SCP de algo. Foi buscar ao baú o caso "apito dourado" para tentar ripostar contra o FCP. Senão vejamos:

1º "disparo" absurdo: SLB refere que vai abrir processos-crime contra Pinto da Costa e a SAD do FCP e pedir a reabertura do caso "apito dourado".

2º "disparo" absurdo: SLB fala que "há dois anos foi a contratação do nosso treinador JJ". Como se sabe o SLB não renovou contrato com JJ porque não quis, ficando o treinador livre para assinar pelo SCP.

3º "disparo" absurdo: fala também no caso vouchers que, como se sabe, é um facto público indesmentível que pode ser considerado excesso de cortesia.

4º "disparo" absurdo: SLB acusa o SCP e o FCP de terem escolhido Pedro Proença para presidente da Liga e José Fontelas para o CA. É fácil verificar que não há nenhuma veracidade, já que nestes anos tanto FCP como SCP não beneficiaram disso, ou seja não ganharam o campeonato.

5º "disparo" absurdo: SLB acusa Bruno de Carvalho de crime de tráfico de inluência pelo facto de Vítor Pereira não ter ido para a UEFA. Como se isso fosse possível.

Dos 3 grandes o SCP é o único que não esteve envolvido nestes "casos" de arbitragens nas últimas décadas, por isso é mais difícil tentar beliscar o nome e a imagem do clube leonino

O SLB quer envolver o FCP com factos do passado: o caso "apito dourado", como se sabe, é um assunto já julgado pelos tribunais e atenção que a reabertura do processo é um tiro que pode sair pela culatra já que Luís Filipe Vieira também é apanhado nas escutas.

O departamento do SLB tenta ainda meter o SCP no mesmo saco de casos de arbitragens mas com acusações inócuas. Só que tentar incriminar ou beliscar os leões é mais difícil já que o clube é, dos 3 grandes, o mais injustiçado nas últimas décadas e não esteve envolvido em "casos" de arbitragens como o "apito dourado" ou o mais recente "caso dos emails". Tentar meter o SCP no mesmo saco é uma manobra ardilosa.

Que argumentos apresenta o SLB?

Ataque informático: o argumento que os emails foram adulterados parece ser o único argumento que resta. Se os emails estão na posse das autoridades pouco ou nada resta mais do que este argumento.

Quem está a investigar o "caso dos emails"

Ministério Público, DIAP, APAF, Liga, Polícia Judiciária.

De onde veio a fuga de informação?

Não se sabe como é que pessoas fora do clube encarnado tiveram acesso ao emails, mas basta dar o exemplo que o assessor jurídico do SLB é um ferrenho adepto do ... FCP.

O Ministério Público (MP) terá coragem para fazer o que lhe compete? E será alvo de pressões?

O caso dos "emails do SLB" está a ser investigado pelo MP. Um processo que decorreria "tranquilamente" em segredo de justiça. Ora enquanto as coisas estão em segredo a "tranquilidade" joga a favor dos investigados já que ninguém sabe que estão a ser investigados por algum tipo de crime. Só que a sua divulgação pelo canal do FCP tornou o caso público e acabou com essa "tranquilidade". O FWD de emails do SLB não são SPAM.

E quando é que o MP planeava divulgar o caso dos "emails do SLB"? Daqui a 3 anos?

Ora se o canal do FCP nunca divulgasse o caso é bem capaz que o processo continuasse a decorrer "tranquilamente". Se o canal do FCP não divulgasse o caso quando é que o MP anunciaria o processo? Daqui a uns anos? Quando o teor de um processo é de uma importância tal para a sociedade não se deve omitir o processo dos olhos da opinião pública.



Relativizar o assunto é uma forma de desviar as atenções. O interesse público está acima de questões secundárias

Para além disso argumentar que os emails não podem ser usados como prova só porque foram "roubados" é o mesmo que relativizar a questão. O tema é de interesse público por isso a maneira como foram obtidos é uma questão secundária. Um pouco como aconteceu no futebol-leaks no caso das fugas ao fisco em Espanha.

Consequências desportivas se o SLB for punido: impugnação do campeonato 2016/17, revogação de 4 títulos (ou mais) e descida de divisão?

Face ao teor deste caso e se se provar a veracidade do conteúdo dos emails é possível que o actual campeonato seja impugnado e os anteriores possam ser revogados. E as taças?

Consequências financeiras se o SLB for punido: perda de receitas importantes para abater o passivo?

Se forem aplicadas sanções desportivas ao SLB com descida de divisão é bem possível que a UEFA aplique também sanções com inibição de competir em provas europeias tal como aconteceu com Juventus e Milan no "Calciocaos" em 2006. Mas o problema é que isso implicaria perder patrocinadores importantes e receitas da Champions. E a ausência de receitas financeiras é uma entrave para o passivo e dívida encarnadas.

E se a medida de retirar pontos a quem criticar árbitros existisse?

Falou-se na criação de uma medida inédita de retirar pontos a quem critica arbitragens. Essa ideia partiu do ... SLB, mas não foi para a frente já que pode ferir o direito à liberdade de expressão. Mas imaginemos que ela existia. Pois se esta medida existisse então ao SLB teriam de se subtrair vários pontos porque o conteúdo destes emails constituem críticas implícitas às arbitragens.

Sem comentários:

Enviar um comentário

NOTA: não serão aceites insultos, difamações e especulação propagandista. Comentários podem demorar um ou mais dias até serem validados e publicados.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...